minha casinha sobre rodas

Na sexta-feira, depois de amargar a derrota do Brasil nas quartas de final da Copa do Mundo, resolvemos não nos deixar abater, nem sofrer por isso. Arrumamos nossas roupas e fomos buscar nossa casinha de rodas para viajar! Já falei aqui que somos amantes do campismo e de viagens, e desde que eu e maridinho éramos namorados desfrutávamos desse lazer. Começamos com uma barraca emprestada nos tempos de namoro, quando saíamos com as nossas famílias. Quando recem casados, compramos uma barraquinha para 2 pessoas e íamos de moto para as aventuras. Depois com os filhos, fomos adaptando o tamanho das barracas e dos carros para caber a "tralha" toda. E assim passamos por uma barraca de 3 pessoas, outra de 5 pessoas com "sala" e avanço para "cozinha", uma carreta-barraca para 4 pessoas ( a gente se espremia e cabiam 5, rs...), um trailer pequenino, um médio e um grande, e, finalmente, nosso tão sonhado Motor Home!!!
E o sonho continuou, porque se a gente parar de sonhar e planejar, ficamos doentes!
Depois do primeiro Motor Home, já passamos para o segundo e agora chegamos ao sonho maior do terceiro: produzido por uma empresa especializada do sul do Brasil e que tem todos os ítens de conforto e praticidade que havíamos desejado desde que conhecemos esse tipo de veículo.
Conto tudo isso para dizer que batalhamos e demoramos muitos anos até alcançar nossa meta! E apesar de termos comprado um carro fabricado no ano de 96, ele se encontra muito bem conservado e cuidado, e com o capricho de sempre do meu marido com suas coisas, cada vez nosso xodó vai melhorando mais!
Antes de contar o bom proveito do fim de semana, resolvi mostrar um pouquinho do lindão!!!

Nosso xodozinho!

A porta de entrada

Vista da parte social do carro: cabine, sala, copa e cozinha

Poltrona e mesinha da sala

Sofá da sala

Vista da copa e do outro lado a cozinha

A copa (geladeira por trás)

A cozinha

Como se pode notar tudo é bem compacto com o aproveitamento de todos os cantinhos, com armários bem planejados e espaços bem organizados.
Temos muitas coisas para fazer ainda, tanto na parte de funcionamento quanto na decoração, mas o melhor é esse prazer com o planejamento de cada detalhe a ser realizado.
Bjbj

4 comentários:

Marcia disse...

Oi, Raquel! Amei seu Motor Home. Por coincidência, vi uma reportagem sobre o tema esses dias. Bem bacana. Sempre que vejo um trailler desses, me lembro de um filme super antigo, que eu assistia na Sessão da Tarde com minha mãe: era um casal recém-casado, que saia em lua-de-mel em um trailler. A moça colecionava pedras, o que causava grandes confusões. Era bem água com açúcar, mas eu amava. Não sei nem o nome, nem com quem era, mas é uma das minhas boas lembranças de infância.
Beijoca e boa semana.

Ana Maria ( Jeito de Casa ) disse...

oi Raquel

Que máximo, parece bem confortável!!!
que ele traga muitos momentos felizes, agora é curtir e planejar!!!
parabéns e felicidades pra vcs!!!

bjocas

Nathalia disse...

Ah, nem me fale Tia Raquel! Acho que esse é o xodó da família inteira!!! Estou doida para sentir o friozinho da serra nesse inverno!

Beijo!

Achados de Moda e Achados de Decoração disse...

Raquel, que loucura! você tem mesmo uma casa sobre rodas!! prabéns, que delícia bjs
Carmen