Detalhes

Prefiro, sempre que possível, fotografar casas e apartamentos de pessoas conhecidas e portanto possíveis e ao nosso alcance financeiro e de decoradoras "práticas" (no sentido de não profissionais da área) que todas somos.
Então comecei pela minha mãe, já que ela está ainda em fase de aperfeiçoamento da decoração do apartamento novo, faltando a compra de alguns móveis, quadros, objetos e utensílios de casa.
Estou empenhada em conseguir boas tomadas nas fotos que tenho tirado do apartamento, então com um pouco mais de paciência, vou mostrar tudo aqui e colocar as nossas escolhas à prova de vocês!
Vou dar uma amostrinha das peças lindas que estão no apartamento da minha mãe, antes de mostrar a decoração de alguns cômodos de lá que fizemos e escolhemos juntas.
Devo dizer que a maioria das fotos abaixo são de peças que estão na família a muitos anos e só nos trazem boas recordações dos momentos que estivemos juntos e dos meus avós que sempre foram pessoas especiais e de muito bom gosto, apesar das poucas posses.


Relógio do meu bisavô Dudu que foi passado para minha avó Jenny e agora para minha mãe
É de corda e a cada hora e meia-hora emite um som como um badalo de sino

Quadro pintado pela mamãe em 1955
Lindo! Sou apaixonada por ele desde pequena!

Abridor de garrafas em bronze do meu avô João

Estes quadrinhos foram reciclados e combinaram bem com a cor da parede do quarto

Vasos redondos de vidro com pimentinhas enfeitando a cozinha

Caixinha porta jóias, de madeira (marchetaria), da minha avó Jenny
Uma preciosidade de trabalho

Mini baú todo forrado em couro trabalhado, do vovô João

Lustre leve e modernoso da sala de jantar

Moedor de carne da vovó Jenny todo de ferro: funciona e é usado até hoje na hora de fazer a torta capixaba

Bandejinha para água e café em prata e cerâmica vitrificada: de mil novecentos e antigamente

Breve virão mais novidades das aventuras decorativas de mamy e filha!
Bjs

3 comentários:

Marcia disse...

Raquel, querida, muita força para todos aí na sua família. E se precisar de alguma coisa, pode contar comigo, ok?

Amo peças antigas. Aqui em casa tenho algumas que eram da minha avó. Olhando seu blog fico super tentada a fazer alguns posts com meus cantinhos aqui em casa. Vamos ver se me animo com isso.

Quanto ao patch no isopor, é muito fácil. Não tenho PAP fotografado (sou super desorganizada, rsrs), mas tem uma série de vídeos no blog da Lu que mostram tudo mega explicadinho. São dez vídeos e os links estão todos no menuzinho lateral do blog. Te passo o link da introdução: http://artesanatosaprendaafazer.blogspot.com/search/label/%28A%29%20PATCH%20NO%20ISOPOR%20-%20INTRODU%C3%87%C3%83O

Acho que vc vai adorar essa técnica. É muito relaxante. Eu gosto muito de coisas feitas com pedacinhos. Me dá a sensação de construir algo. Por isso faço patchwork há bastante tempo.

Um beijo imenso para vc., minha amiga.

Nathalia disse...

Tia Raquel, eu sou suspeita para falar. Adoro peças de família, com história para contar. Infelizmente não tenho nadinha de família (o que minha avó tinha a "nova" esposa do vovô levou), mas me restaram as boas lembranças da vovó. E isso é muito melhor, não é?

Um beijo grande!

Vivi... disse...

Oi Raquel,
Tem outro selinho lindinho pra você lá no blog, passe lá pra pegar!!!
bom final de semana!!!
bjs...Vivi